SALTO ALTO E VARIZES

O USO DO SALTO ALTO AUMENTA A CHANCE DE VARIZES EM MEMBROS INFERIORES?

E A DEPILAÇÃO DAS PERNAS?

VARIZES-E-SALTO

 

salto alto é sem dúvida uma unanimidade entre as mulheres. Deixa a silhueta da mulher elegante, as pernas com aparência torneadas e as baixinhas com mais altura. Mas será que isso aumenta a chance de varizes de membros inferiores? E a depilação das pernas?

A maioria das pessoas, inclusive os médicos, acreditam que o salto alto provavelmente piora as varizes porque seu uso influencia no mais importante mecanismo que impulsiona o sangue de volta para o coração: a bomba muscular da panturrilha.

PANTURRILHA-1 PANTURRILHA-2

As veias das pernas são dividas em dois grupos: as veias profundas, que passam por dentro da musculatura, e as veias superficiais, que passam dentro da gordura que fica logo abaixo da pele. Esses dois sistemas são interligados por veias perfurantes. Todas essas veias tem válvulas em seu interior que permitem que o sangue circule em apenas um sentido: somente para cima, em direção ao coração.

Quando contraímos a musculatura da panturrilha, isso também contrai as veias profundas (especialmente as veias dos músculos soleares e gastrocnêmios). Isso faz com que o sangue seja impulsionado para cima, uma vez que as válvulas impedem que ele volte em direção ao pé.

Essa bomba é acionada pela contração e relaxamento da panturrilha, através da movimentação da articulação do tornozelo.  Quando usamos salto alto, a movimentação do tornozelo fica restrita e por isso não ocorre de forma adequada o relaxamento da musculatura da panturrilha.

A ejeção do sangue pela ação da musculatura é pior nas mulheres que utilizam salto 7, em especial, nas que utilizam salto plataforma. Ou seja: o salto alto prejudica a circulação do sangue venoso nas pernas, limitando a movimentação da panturrilha, o que diminui a capacidade de bombeamento do sangue através das veias.

Mas isso não é suficiente para dizer que o salto pode causar ou piorar as varizes.

 Portanto, apesar de polêmico, não há relação estabelecida entre o uso do salto alto, assim como também da depilação, seja ela de qualquer tipo (com cera, a laser, etc…) na formação de varizes de membros inferiores. A depender da frequência e intensidade, subir e descer escadas pode até ser considerado um exercício físico, e ajuda a aumentar o retorno venoso pela ação da contração da musculatura das panturrilhas. A ginástica, desde que recomendada pelo médico e acompanhada por professores de educação física, não só não provoca varizes como também é bastante aconselhável para evitá-las.

Concluindo: Para o dia a dia é recomendado o uso de salto alto de até 3,5 cm e uso de salto alto de tamanhos maiores com moderação.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *